Itaú Bankline é seguro?

Descubra se o Internet Banking do Itaú é seguro e não tenha mais receio de acessar a sua conta online!

7-dicas-para-acessar-o-banco-pela-internet-com-segurança-OK

Muita gente acessa a sua conta bancária pela internet ou aplicativos dos bancos, mas boa parte das pessoas ainda têm um pé atrás com esse tipo de procedimento por causa das inúmeras formas de sofrer um golpe na rede. O Itaú oferece plataformas para acesso à conta pelo internet banking, aplicativo de celular e, além disso, também é possível verificar o saldo e autorizar algumas transações por meio do telefone. Em todas elas existem verificações para garantir que o seu acesso será seguro.

Confira agora se o Itaú Bankline é seguro e acesse sua conta sem medo!

Segurança no Itaú Bankline

Para os clientes que acessam sua conta através do computador, o Itaú Bankline oferece duas opções de segurança: o aplicativo Itaú no computador e o dispositivo Guardião 30 Horas.

Como funciona o aplicativo do Itaú Bankline no computador

O Itaú no computador, é um aplicativo que você instala no seu equipamento e não precisa mais usar nenhum tipo de navegador como o Internet Explorer, Chrome ou Firefox para acessar a sua conta. Além da facilidade, pois o aplicativo do Itaú Bankline fica salvo no desktop do seu computador, com ele é possível ter acesso a contas de pessoas físicas e jurídicas. Por ser totalmente seguro, não é necessário instalar o dispositivo Guardião 30 Horas para utilizar este serviço.

Caso você nunca tenha usado o Itaú Bankline pelo computador, durante a instalação, o banco vai solicitar que você libere o acesso através de Itoken SMS, aplicativo do celular ou caixa eletrônico, de acordo com o que mais se adequar ao seu perfil. Após a liberação, o aplicativo estará pronto para uso.

Como funciona o aplicativo Guardião 30 Horas do Itaú Bankline

O Guardião 30 Horas é um dispositivo que você é obrigado a instalar caso precise acessar a sua conta do Itaú através da internet. Com ele, você tem mais segurança ao realizar transações online. Ele atua como uma blindagem e protege a sua conta contra programas maliciosos, vírus e golpes, e é ativado toda vez que você entra na sua conta do Itaú pela internet.

Conheça os principais golpes aplicados no Itaú Bankline

A maior parte dos golpes aplicados na internet são através de e-mails e costumam ser fáceis de identificar. Já ouviu aquela expressão de que “quando a esmola é demais, o Santo desconfia”?! É exatamente isso. Caso você receba alguma promoção duvidosa, procure dar uma olhada no remetente e, além disso, confira se os textos e imagens são de baixa qualidade e resolução, pois isso é um sinal de fraude. Confira abaixo os principais golpes aplicados.

Dicas para usar o Itaú Bankline com mais segurança

1. Mantenha o antivírus do computador sempre atualizado

Os programadores de antivírus buscam acompanhar todas as novas ameaças, assim, o software sempre precisa de atualizações para te manter seguro. Ao deixar o seu antivírus  desatualizado, você aumenta os riscos de um ataque. Ainda não tem antivírus? Clique aqui para conhecer cinco opções gratuitas.

2. Não acesse o banco em lan houses ou utilizando computadores e redes compartilhadas

Como você não sabe quem usou esses equipamentos antes de você, não dá para confiar que não foi um hacker ou alguém descuidado que deixou um vírus acessar o computador. Além disso, ao utilizar uma rede WiFi pública, como em aeroportos e shoppings, é possível coletar os dados que você digita. Por isso é importante tomar muito cuidado.

3. Repare se o endereço da página muda para https:// quando você vai digitar a sua conta

Isso significa que as suas informações que você disponibilizar ali estão sendo protegidas. Às vezes também aparece um cadeado ao lado do link que foi digitado – e ele é um certificado de segurança.

Veja também





Solicite seu empréstimo

Leandro Oliveira: formado em Jornalismo pela Universidade Santo Amaro. Trabalha com produção de conteúdo há 2 anos, diretamente com pautas sobre finanças pessoais e produtos financeiros. Iniciou sua carreira como estagiário em produção de conteúdo na Konkero e, hoje, ocupa a função de Assistente na criação e atualização de pautas e matérias.

Julia Braz de Teves: jornalista formada em 2019 pela Universidade Nove de Julho. Já atuou na área de assessoria de imprensa, e já trabalhou como auxiliar administrativa-financeira, passando, inclusive, pelo departamento pessoal.

Guilherme Prado: graduado e mestre em administração de empresas pela EAESP-FGV. Empreendedor há 21 anos, escreve sobre finanças pessoais há 8 anos.


Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 Konkero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL