10 ideias de negócio para ganhar dinheiro em casa

Dá para ganhar dinheiro em casa fazendo marmitex, produzindo peças artesanais, e ainda investindo em outras ideias. Saiba mais!

6-ideias-de-negócios-para-você-montar-em-casa

Quem quer ganhar dinheiro em casa pode desenvolver seu próprio negócio fazendo as seguintes coisas:

São ótimas dicas que não demandam custos com aluguel de espaço ou móveis, por exemplo, e permitem que o trabalhador tenha mais lucro na sua atividade. Saiba como você pode fazer cada uma delas e se tornar MEI para regularizar o seu negócio.

10 ideias de negócios lucrativos para trabalhar em casa

1. Produza marmitex

Se você cozinhar e divulgar seu serviço perto de empresas, as chances de vender todos os dias aumentam. No entanto, antes de abrir esse tipo de negócio, é muito importante saber as regras de higiene exigidas pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA). Além disso, aposte em um cardápio variado, que atenda vários gostos. Marmitas vegetarianas e veganas têm conquistado cada vez mais o público, por isso, vale a pena incluí-las em seu cardápio.

2. Faça artesanato

Mesmo que você nunca tenha trabalhado nada nesta área, pode aprender se estiver disposto. Ser criativo também ajuda! Móveis de material reciclável, vasos de barro e crochê são algumas ideias de trabalhos manuais. Para aprender algumas técnicas, entre no site Buzzero e faça cursos gratuitos ou pagos – o que preferir. Você ainda pode ver vídeos no YouTube e aprender a fazer sabonetes, velas aromáticas e itens de decoração para escritório ou cozinha. Confira o guia completo para ganhar dinheiro com artesanato.

3. Preste serviços de manutenção

Nesta área você pode trabalhar na limpeza de piscinas, como eletricista ou dedetizador, por exemplo. Basta ter um lugar em sua casa para guardar o material necessário. Também no site Buzzero há cursos sobre estes serviços. Você pode pintar cômodos, trocar lâmpadas, e fazer outros serviços considerados de marido de aluguel.

4. Fabrique produtos

Você consegue produzir chinelos, sorvetes e velas, por exemplo, dentro de casa. O investimento inicial costuma ser para a compra das máquinas que fabricam estes produtos, mas são aparelhos simples de usar.

Conheça algumas empresas que vendem estas máquinas:

5. Trabalhe com estamparia

Assim como a fabricação de produtos em casa, existem máquinas que fazem impressão de imagens em roupas e canecas. Para divulgar suas vendas, você pode usar as redes sociais ou aplicativos como vitrine dos que produzir e atrair novos clientes.

Metalnox e Rimaq são duas empresas que fornecem tais máquinas.

6. Aposte na revenda

Há diversas empresas que precisam de consultor(a) de produtos. Você ganha comissão nas vendas que realiza e consegue receber os clientes ou visitá-los, como achar melhor. Confira nossa matéria sobre como ser revendedora em cinco grandes empresas de cosméticos. São diversas as categorias dos produtos que podem ser revendidos: cosméticos são os mais comuns, porém é possível revender roupas, utensílios de cozinha, acessórios, entre outras coisas.

7. Costure para fora

Se você leva jeito com agulha e linha, que tal começar um bico como costureira? Para fazer barras de calça e pequenos ajustes, não é preciso nem de máquina de costura! Mas vale a pena investir em uma para acelerar o trabalho e pegar várias encomendas ao mesmo tempo.

8. Passeie com cachorros

Muitas famílias não têm tempo para sair com o cachorro e optam por pagar alguém para andar com o pet. Se quiser começar com esse bico, converse com os seus vizinhos. Divulgar o trabalho entre os conhecidos aumenta as chances de sucesso porque, principalmente neste tipo de bico, eles precisam confiar em quem fará o trabalho. Gostou da ideia? Confira a história de Paulo Carreiro, o fundador da Dogwalker, que começou ganhando 200 reais por mês passeando com cachorros.

9. Dê aulas de idiomas

Se você tem conhecimento em inglês, espanhol ou qualquer outro idioma, pode dar aulas para crianças ou adultos, ou ajudar em tradução de textos ou trabalhos de faculdade. Com alguns livros didáticos e criatividade, você consegue montar um plano de aulas para começar a trabalhar em casa! Você pode divulgar o seu trabalho para amigos e conhecidos pessoalmente ou pelas suas redes sociais, ou se cadastrar em plataformas onde os próprios alunos entram em contato com você.

10. Faça penteados

Nem todo mundo consegue produzir visuais diferentes no próprio cabelo. E você pode aproveitar essa oportunidade! Que tal pentear suas amigas quando elas tiverem festas ou algum evento e ainda lucrar com isso? O YouTube, por exemplo, tem diversos canais que ensinam penteados diferentes para você se inspirar. Se gostar da ideia, invista em um bom secador de cabelos e ou nos acessórios que fazem cachos, assim, você faz penteados mais elaborados! No final dá para lucrar 528 reais com esse bico.

Já conhece o Microempreendedor Individual (MEI)?

Vai criar um negócio próprio em casa? Pense na possibilidade de se tornar um Microempreendedor Individual. Você tem redução nos impostos pagos mensalmente e pode ser cadastrado como pessoa jurídica, além de ter outros benefícios. Saiba como se inscrever no MEI. Uma das vantagens de se formalizar é que as chances de ganhar dinheiro aumentam, porque fica mais fácil vender para empresas que exigem nota fiscal.

Ter um negócio em casa requer disciplina e comprometimento! Confira cinco dicas infalíveis para essa estratégia dar certo.

Veja também!



Solicite seu empréstimo

Siga-nos nas redes sociais

Copyright © 2020 Konkero. Todos os direitos reservados.

Regras de uso do site Política de privacidade
Google Safe Secured SSL